Eu vejo teu sorriso em todo lugar
Nos galhos secos de uma árvore qualquer.
E no azul do céu
Nas ondas do mar...

Da ponte que nos atravessa
Ao rio que ninguém navega
Eu quero navegar...

Nos teus braços
Eu vou chegar e me aconchegar.
Nos teus braços
Eu quero navegar...
Navegar, navegar, navegar

Eu vejo ao longe o teu amor, em todo lugar.
No bater das asas de um beija-flor,
Na cor das folhas secas
pra lá de onde a vista possa alcançar...

Da ponte que nos atravessa
Ao rio que ninguém navega
Eu quero navegar...

(REFRÃO)